O Caminho mais perto do amor é ele próprio!

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Morre de amor


Tá decidido, dor de amor dói mais que dor do parto...não que eu já tenha passado pela dor do parto, mas pelos depoimentos das pessoas é óbvio que dor de amor é a pior! Você já viu alguém fazer poemas e mais poemas sobre a dor do parto?? Você já viu alguma mulher reclamar da dor do parto depois de ver a carinha do bebê? Ela nem lembra q sentiu dor....
Agora o tal do amor, dói! E como dói.. como diria o poeta é fogo que arde sem se ver, é ferida que dói e não se sente....ou melhor é ferida que dói e se sente sim!! E como sentimos... é uma busca pela felicidade que parece que foi levada de nós a força, é sofrer a dor do parto e ter o filho arrancado dos braços depois, é aquela ausência que nada nem ninguém consegue preencher! Mas tomando emprestado as palavras de Mário Quintana:Tão bom morrer de amor e continuar vivendo!

segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

É preciso


As vezes é preciso perder, para dar valor.
É preciso chorar, para aprender a amar. É preciso confiar, para se entregar e ainda assim a grande verdade é que, é preciso ouvir para nunca gritar...
Todos irão sofrer um dia, para saber, o verdadeiro sentido da felicidade! Muitas vezes deixamos de lutar pelo que realmente queremos pelo simples fato de não estarmos preparados para ouvir não, errar é humano, perdoar é preciso, e correr atrás daquilo que realmente queremos é uma obrigação!
Viva, ame, pense, erre, caia, levante. E depois do erro corra atrás de refazer o seu acerto, faça tudo o que desejar fazer, diga te amo sem medo de não ouvir isso depois, aproveite a vida, pois nunca se sabe o dia de amanhã ...



sábado, 19 de fevereiro de 2011

Coração Apaixonado


E se fosse preciso chorar por você...
Queria ser os seus pensamentos, os seus desejos, o seu querer, e sempre transmitir confiança ao seu coração...

Eu queria entrar no teu sono, vivenciar os seus sonhos e acordar no seu mais profundo infinito
.
Queria poder te amparar com a mão estendida e auxiliar a encontrar a solução para os problemas que o preocupam... Queria fazer de seus sonhos e de seus desejos a realidade...

Eu queria ser o seu mais belo sentimento, o amor, e egoísta eu faria que seu coração me amasse.!
Queria absorver toda sua tristeza e assim nunca vê-lo entristecer-se e sofrer...

Eu queria ter o poder de fazê-lo me olhar nos olhos e neles vislumbrar o meu puro amor. Queria fazê-lo amar-me e desejar-me para a toda a nossa existência.

PS:.
Queria ser para você a mulher que procuras e que desejas amar, pois para mim, você é a homem que sempre desejei amar...

Música Indicada

Letters From Home

Kenny G




quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Eu te amo

Eu te amo do amanhecer ao anoitecer e mesmo quando durmo, ainda te amo. Eu te amo nas três dimensões, nas quatro luas, nos quatro elementos, nas quatro estações, nos quatro pontos cardeais.

Eu te amo nos cinco sentidos, nas sete cores do arco-íris, nas sete notas musicais, nos doze signos do zodíaco, em tudo o que existe eu te amo cada vez mais. Eu te amo na procela e na calmaria, em todos os josés e marias, nos infantes, nos anciãos, nos amigos, inimigos ou irmãos ... eu te amo em toda a criação.

Eu te amo no caos aparente ou na mais perfeita estrutura ... eu te amo como o próprio criador ama a sua criatura. Eu te amo no vento que vem do norte, na linha do horizonte, na pequena fonte, nas nuvens grávidas de chuva ... eu te amo nos meus dias nefastos e nos meus dias de sorte.

Eu te amo na árvore frondosa, na montanha majestosa, na pedra preciosa, nas miríades de estrelas do universo ... eu te amo no pequeno átomo, na imponderável constelação, eu te amo para além de qualquer humana compreensão.

Eu te amo pelo pouco que sei de ti, pelo muito que ignoro e por aquilo que somente posso pressentir. Eu te amo na plenitude da lida, no ocaso da vida ... e, depois que eu me for, nas lembranças que porventura eu deixar, hás de encontrar perfumados e palpitantes restos do que foi o meu amor !

Música Indicada

Save Me Now

Andrew Donalds


terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

Conhecer alguém


Assim ao conhecer alguém, preste atenção no caminho que essa pessoa percorreu, são fatores importantes... Não deixe de acreditar no amor, mas certifique-se de estar entregando seu coração para alguém que dê valor aos mesmos sentimentos que você dá, manifeste suas idéias e planos, para saber se vocês combinam, e certifique-se de que quando estão juntos aquele abraço vale mais que qualquer palavra...
Autor Desconhecido
Musica Indicada

sábado, 12 de fevereiro de 2011

Durante a nossa vida:



"Conhecemos pessoas que vem e que ficam,
Outras que, vem e passam.
Existem aquelas que,
...Vem, ficam e depois de algum tempo se vão.
Mas existem aquelas que vem e se vão com uma enorme vontade de ficar...
Cada pessoa que passa em nossa vida passa sozinha,porque cada pessoa é única, e nenhuma substitui a outra.Cada pessoa que passa em nossa vida passa sozinha, e não nos deixa só, porque deixa um pouco de si e leva um pouquinho de nós.Essa é a mais bela responsabilidade da vida e a prova de que as pessoas não se encontram por acaso."

Charles Chaplin

Música indicada

Pra Lembrar De Nós

Flávio Venturini




quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

Medo de amar e ser amada?


O amor por si só é uma palavra doce, bonita que remete felicidade, paz de espírito, relizações pessoal, comunhão de dois corações... Encontrar o amor ou ser amado representa um turbilhão de emoções...
E quantas pessoas vivem na ilusão deseus sentimentos ou perdem o desgosto da vida pos causa dessa simples palavrinha que ás vezes é sentida mas não dita. Há também aqueles que por terem sofrido ou acaharem que o amor é uma formula careta de se viver, simplesmente acomodam-se ao que o outro tem a oferecer mas não amam.
O grande medo de amar, por alguns, é tão grande qunto o medo de não ser amado. Na realidade, acredita-se que por tras do medo de amar, está o medo maior de sofrer, de ser rejeitado, ou mesmo abandonado. Mas essa atitude nós leva a equação:" O MEDO DE NÃO SERMOS AMADOS NOS IMPEDE DE AMAR".
Neste mundo Moderno muitas pessoas se sentem envergonhadas de amar, como se fosse algo ridículo e bobo. Mas somos seres nascidos para o amor e, no entanto, tentamos negar nossa propria essência.

PS:.Todo mundo que ama está sujeito a passar por mus momentos por causa de uma separação. Não importa quem tomou a iniciativa.


quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

Percurso da Saudade


Saudade dói. E como dói. Saudade do avô que faleceu, do amigo que se mudou, do ex que não te ama mais, do momento que não se pode viver de novo. Saudade é um sentimento cruel porque não te dá opções: você sente e pronto. Não há muito o que fazer. Você chora, relembra, pensa, repensa, chora de novo e parece que não passa… Parece que nunca vai passar. Você tenta se animar, se distrair, mas aquilo te persegue por onde você vai.


Saudade é sentir falta de cada pedacinho da pessoa, de cada sorriso, cada palavra, cada gesto. Saudade é conseguir ouvi-la e vê-la como se ela realmente estivesse ali do seu lado. Saudade é imaginar que ainda há muitas coisas pra vocês fazerem juntos e que a distância não é a solução para o momento. É injusto. Como pode ser tarde demais? A voz da pessoa ainda ecoa no seu ouvido. Há trechos de canções que ela ainda não cantou pra você. Há pedaços de sua presença espalhados pela sua casa. Há momentos que vocês ainda não viveram. Você sente que não a abraçou o suficiente, que não a curtiu ao máximo como ela merecia ou como você gostaria. Há milhões de pessoas ao seu redor, mas você só quer aquela. Só ele Você quer gritar, mas sua voz parece que não sai. Você quer correr, fazer alguma coisa, mas parece que suas mãos e pés estão amarrados. Não há muito o que fazer: saudade dói e pronto.


Mas então o tempo passa. Tempo esse que parece ter um conchavo com a distância, como se tentasse sarar as feridas que ela nos deixou. E você se acostuma. Se acostuma com a ausência, com a falta de notícias. Faz parte da sua nova rotina e isso até te faz bem. Mas o pior de se acostumar é começar a esquecer. Você já não lembra com exatidão todas as manias daquela pessoa. Você começa a ter que rever as fotos para lembrar o rosto dela. Os lugares que antes te lembravam aquela pessoa, agora são apenas lugares. E tudo aquilo que antes era latente, se torna normal, comum.


Mas não se engane: a saudade nunca te deixa, apenas te dá uma trégua. Volta e meia ela vem, machuca mais um pouco, você chora mais um pouco, e depois ela se vai novamente. É um percurso do qual dificilmente nós nos livramos. Mas não se preocupe, o tempo sempre estará lá para nos ajudar, nos acalmar. Parece que nunca vai passar… E não passa.


Lara A. Garamond


Musica indicada


I Miss You - Haddaway


terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

O amor não acaba, nós é que mudamos


O amor não tem fim, ele não acaba, são as pessoas que mudam, que evoluem.
O amor nunca deixa nossas vidas, às vezes ele pode se esconder, mas jamais desaparecer.

Um homem e uma mulher vivem uma intensa relação de amor, e depois de alguns anos se separam, cada um vai em busca do próprio caminho, saem do raio de visão um do outro. Que fim levou aquele sentimento? O amor realmente acaba?

O que acaba são algumas de nossas expectativas e desejos, que são subtituídos por outros no decorrer da vida. As pessoas não mudam na sua essência, mas mudam muito de sonhos, mudam de pontos de vista e de necessidades, principalmente de necessidades. O amor costuma ser amoldado à nossa carência de envolvimento afetivo, porém essa carência não é estática, ela se modifica à medida que vamos tendo novas experiências, à medida que vamos aprendendo com as dores, com os remorsos e com nossos erros todos. O amor se mantém o mesmo apenas para aqueles que se mantém os mesmos.

Se nada muda dentro de você, o amor que você sente, ou que você sofre, também não muda. Amores eternos só existem para dois grupos de pessoas. O primeiro é formado por aqueles que se recusam a experimentar a vida, para aqueles que não querem investigar mais nada sobre si mesmo, estão contentes com o que estabeleceram como verdade numa determinada época e seguem com esta verdade até os 120 anos. O outro grupo é o dos sortudos: aqueles que amam alguém, e mesmo tendo evoluído com o tempo, descobrem que o parceiro também evoluiu, e essa evolução se deu com a mesma intensidade e seguiu na mesma direção. Sendo assim, conseguem renovar o amor, pois a renovação particular de cada um foi tão parecida que não gerou conflito.

O amor não acaba. O amor apenas sai do centro das nossas atenções. O tempo desenvolve nossas defesas, nos oferece outras possibilidades e a gente avança porque é da natureza humana avançar. Não é o sentimento que se esgota, somos nós que ficamos esgotados de sofrer, ou esgotados de esperar, ou esgotados da mesmice. Paixão termina, a
mor não. Amor é aquilo que a gente deixa ocupar todos os nossos espaços, enquanto for bem-vindo, e que transferimos para o quartinho dos fundos quando não funciona mais, mas que nunca expulsamos definitivamente de casa.


Música indicada

Como vou viver (How Do I Live) Tânia Mara